terça-feira, 8 de novembro de 2011

A Escola Secundária Manuel Teixeira Gomes está de parabéns!




A Escola Secundária Manuel Teixeira Gomes ganhou o primeiro prémio no Concurso Escolar A minha escola e a prevenção da infeção VIH/sida 2010/2011.

Na sua análise dos trabalhos apresentados, o júri do concurso teve em consideração “o desenvolvimento de trabalhos que informassem os alunos sobre as características da infeção VIH, processos de transmissão, riscos para a saúde e formas de prevenção, assim como a sensibilização dos alunos para a prevenção dos comportamentos de risco e adoção de estilos de vida saudáveis e preventivos. Igualmente o júri valorizou a importância da não discriminação e do respeito pelas pessoas que vivem com o VIH. A avaliação teve ainda em conta a participação dos alunos, a diversidade dos meios, o tipo de divulgação e os resultados.”

Tendo em conta os critérios acima mencionados, o júri atribuiu os prémios às seguintes escolas:

3.º Ciclo do Ensino Básico e Ensino Secundário

1.º Prémio - Escola Secundária Manuel Teixeira Gomes * Portimão
2.º Prémio - Escola Básica e Secundária de Lajes do Pico * Açores
3.º Prémio - Escola Secundária Marquesa de Alorna * Almeirim


Para realizar um trabalho desta natureza é preciso sonhar, acreditar que é possível e prosseguir, ultrapassando obstáculos. É preciso ter quem sonhe connosco, quem colabore, quem acredite, quem se entusiasme e quem aposte na utilidade do que estamos a realizar. Foi tudo isto que aconteceu na nossa escola.

Consegui rodear-me de muitos alunos e colegas que acreditaram que era possível. Para a concretização deste projeto tive a colaboração de muitos alunos que, com o seu talento, a sua sensibilidade, a sua dedicação e  persistência, tornaram este sonho possível. Alguns colegas também motivaram os seus alunos para a realização de atividades e outros colaboraram na vertente técnica. Foi também valiosa a colaboração de assistentes operacionais, da associação de estudantes, de alguns profissionais de saúde  (técnicos da unidade móvel da sida), do jornalista da rádio Alvor, Ricardo Coelho, que nos deu a possibilidade de sensibilizar a população para a temática do HIV/SIDA, com a realização de dois programas de rádio e da Gestão da escola que, desde o início, incentivou e apoiou este projecto.

Vivemos numa sociedade em que a dimensão humana é cada vez mais esquecida. No entanto, neste projeto não o foi. “Agarra a Vida, diz Não à Sida” foi muito mais do que um trabalho que visou informar, que disse não à discriminação, alargou o seu objetivo à solidariedade, fomentando a aquisição de competências de cidadania nos jovens e contribuindo para o seu desenvolvimento pessoal e auto-estima.
Enquanto dinamizadora deste projeto, quero agradecer a todos que nele colaboraram:

Aos alunos das turmas 10.º B, 10.º H, 11.º Q, 12.º B, 12.º C, 12. º D, 12.º E, 12.º F, 12.º G, 12.º H, 12.º I do ano lectivo 2010/2011; aos colegas Ângela Gonçalves, Manuel Macedo, Maria da Conceição Veloso, João Carlos Alves,  Rosalinda, Alfredo Gomes, Nídia Santos, Nuno Duarte, Ana Claúdia Dias, Antónia Rocha, Telma Lança, Pedro Cabo, Amália Duarte, Helena Soares, Isabel Pereira, Rui Barbosa, Luís Salema; aos assistentes operacionais, D.ª Isabel e Sr. Caracol; aos técnicos da unidade móvel da prevenção da sida, Dra. Susana Santos, enfermeiro Malta, enfermeira Luísa, enfermeira Manuela Salvado e enfermeira Sónia Ruas, à Dra Manuela Silva; ao jornalista Ricardo Coelho e a todos aqueles que direta ou indiretamente participaram neste mega-projecto. 

A dinamizadora e responsável pelo projecto: Amélia Flor