terça-feira, 20 de março de 2012

Sensor de radiação ultravioleta de volta à ESMTG


O grupo de Geografia, no âmbito do projeto de Dinamização da Estação Meteorológica (DEME), informa a comunidade educativa que, desde o passado dia 14 de março, o sensor de radiação ultravioleta está, de novo, a funcionar na estação da ESMTG, depois de ter sido reparado no laboratório da Delta Ohm, em Itália.

O dado meteorológico disponível, e consultável na base de dados, com  registos até dois meses, é relativo ao Índice de Radiação Ultra-Violeta (IRUV) que classifica, de uma forma facilmente percetível, o nível de perigosidade da radiação ultravioleta em 5 intervalos (baixo, moderado, alto, muito alto e extremo) e os faz corresponder com indicações comportamentais de proteção pessoal adequadas a esse nível de radiação. 

Todo o nosso país, em particular as ilhas da Madeira, o sul de Portugal continental, principalmente o Algarve, registam habitualmente IRUV muito altos entre maio e setembro. No verão e na primavera passados, a estação da ESMTG registou valores muito altos, um pouco antes e um pouco depois do período habitual, tendo registado também, pontualmente, alguns valores extremos.

Esta é uma notícia enviada pelo professor Francisco Pereira.